5% DESCONTO NA 1ª COMPRA. PromoCode NOVOSCLIENTES2021
  • ENVIOS 24h

  • PORTES GRÁTIS ACIMA DE 40€
CARRINHO DE COMPRAS

Você não tem itens no seu carrinho de compras.

TOTAL:
€0,00

CONCENTRAÇÃO E POTÊNCIA DOS FÁRMACOS

de Farmacia Saldanha em March 07, 2021

Outra suposição muito comum, e incorreta, é sobre a concentração/potência dos fármacos. Utilizando o exemplo anterior, o efeito anti-inflamatório de um comprimido de ibuprofeno de 200 mg é inferior, quando comparado com o efeito anti-inflamatório da nimesulida 100 mg (Nimed®, Aulin®, Donulide®). Não se pode inferir, que um fármaco com uma concentração inferior é mais “fraco” mesmo que indicados para o mesmo problema. Esta interpretação errónea conduz muitas vezes a casos de sobredosagem com possíveis consequências graves. A dosagem máxima de ibuprofeno por dia é de 2400 mg, e por toma única 800 mg, para um adulto saudável, embora, por norma não sejam ultrapassadas as 1800 mg por dia, ou seja 600 mg por toma. Nas mesmas circunstâncias a dosagem máxima da nimesulida é de 200 mg por dia, 100 mg por toma única, ou seja, no caso do ibuprofeno a dosagem máxima resume-se a um comprimido de 600 mg de 6 em 6 horas e da nimesulida um comprimido de 12 em 12 horas. Constata-se, que medicamentos com efeitos similares têm posologias muito diferentes, se por um lado, podemos tomar concomitantemente dois comprimidos de ibuprofeno 200 mg três vezes ao dia, o mesmo não acontece, com a nimesulida, que só pode ser feita no máximo duas vezes ao dia e apenas um comprimido de cada vez. Sucintamente, estas disparidades devem-se à forma como determinado princípio ativo, atua no organismo, durante quanto tempo, e de que forma é que é feita a sua eliminação através do fígado e rins, diferindo substancialmente de princípio ativo para princípio ativo e consequentemente de medicamento para medicamento.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Os comentários devem ser aprovados antes de aparecer


DE VOLTA AO TOPO